O meu objetivo número um, é ajudar os leitores a melhorar as suas vidas financeiras, e faço parcerias regularmente com empresas que partilham a mesma visão. Se a compra ou inscrição for feita através dos links dos nossos parceiros, recebo uma compensação pela indicação.

Hoje em dia, as pequenas empresas estão a ser bombardeadas por consultores, especialistas e líderes de pensamento que lhes dizem que precisam colocar os seus negócios nas redes sociais.

Quase sem passar um momento sem que nos digam para seguir algo no Twitter ou curtir uma página no Facebook, a proliferação do social atingiu proporções épicas.

Com essa consciência, vem um certo senso de urgência para a maioria dos empresários, principalmente o desejo de não perder a bola nas redes sociais.

Com isso em mente, o desejo por si só não serve a muitos propósitos: as empresas precisam se concentrar numa agenda ou objetivo.

Uma maneira de fazer isso é usar a rede social para aumentar a receita, especificamente através de uma tática chamada "venda social". 

Na era do Twitter, LinkedIn, Facebook e o que parece ser um milhão de outras plataformas sociais, a ideia da venda social é que as empresas usem conteúdo, rede social e canais de comunicação tradicionais para vender com mais sucesso. (Caso contrário, as empresas podem não conseguir acompanhar a concorrência.). 

Pense nisso. Conforme a rede social evoluiu, o comportamento do consumidor mudou. 

Eles não dependem mais de um canal (um vendedor) para obter informações, mas procuram ativamente dados na Internet, tudo, desde os seus produtos.

E os consumidores estão a sair em massa nas redes sociais para encontrar essas informações.

Na verdade, existem atualmente mais de 1 bilhão de utilizadores mensais regulares nas plataformas de redes sociais. 

E os compradores tendem a fazer as suas pesquisas antes de fazer uma compra, com o consumidor médio visualizando mais de 10 peças de conteúdo antes de fazer uma compra.

Além disso, as pessoas têm muito mais probabilidade de fazer uma compra quando alguém que elas conhecem (via rede social) a recomenda.

Parece uma vantagem para as empresas, isto é, se a empresa implementá-la corretamente.

Aqui estão algumas dicas para fazer a sua empresa (e clientes) investir em vendas sociais:

Envolva a sua equipa de vendas

Certifique-se de apresentá-los à premissa da venda social.

Isso significa, gastar tempo extraindo dados e informações que os ajudem a entender como a rede social pode ajudá-lo a se conectar com os clientes e levar a vendas.

Dê passos de bebé

Os executivos de vendas geralmente precisam de algumas táticas simples, como usar a rede social ou o conteúdo. 

Normalmente, recomendo um programa muito simples em que os executivos de vendas compartilham de três a cinco peças de conteúdo por semana via LinkedIn ou email com pelo menos cinco clientes e clientes potenciais diferentes.

Certifique-se de que o cliente receba uma mensagem personalizada que diga porque o conteúdo está a ser compartilhado e por que é importante para o cliente. 

Também recomendo a criação de um acompanhamento no email que explicita uma ação explícita, como uma reunião de acompanhamento.

Mostrar resultados

As vitórias não precisam ser apenas vendas.

Aconselho os clientes a rastrear conversas e compromissos gerados a partir das táticas que sugeri acima. 

Por exemplo, faça com que o vendedor anote as respostas às suas táticas de vendas sociais, café ou outras reuniões que possam ter levado e, então, é claro, quaisquer oportunidades de receita que possam estar diretamente relacionadas aos esforços.

Depois de colocar a sua equipa de vendas a bordo, veja como atrair clientes entusiasmados com a venda social.

Coloque o seu ouvido no chão

Fique de olho no conteúdo que é útil para os seus clientes.

Geralmente, o conteúdo deve ser no tópico e com algumas boas dicas ou itens acionáveis.

Observe que isso também pode ser bom para futuros clientes e clientes em potencial.

Mantenha o controle

Quando você encontrar conteúdo útil, é uma boa prática manter um documento Excel ou Word onde guarda os títulos dos artigos, links e tópico principal.

Além disso, procure um software que possa ajudar a controlar as métricas, como visualizações, cliques e tempo gasto examinando o conteúdo.

Encontre conexões

Procure oportunidades de emparelhar o conteúdo com clientes específicos. Acompanhe isso no seu documento para saber o que enviou a uma pessoa.

Com o tempo, deve construir um agregado de conteúdo útil que ajude a fornecer mais clareza à sua mensagem e às necessidades do cliente.

Faça com que seja significativo

Entregue o conteúdo com um email e uma mensagem simples que ajude o cliente ou cliente em potencial a entender o assunto e por que você o considera importante.

Frequentemente, referindo-se a uma conversa anterior em que o assunto foi discutido.

Inclua um apelo à ação

Certifique-se de que o cliente precisa dar algum tipo de passo.

Alguns exemplos incluem uma chamada de acompanhamento ou uma reunião, onde pode discutir as informações.

Seja consistente

A taxa de resposta provavelmente não será de 100%, mas isso não significa que os clientes não o estejam a ler.

Com tanta informação disponível, se puder ser a pessoa que entrega conteúdo sólido de forma consistente, estará em primeiro lugar quando as decisões de compra forem consideradas e tomadas.

Artigos relacionados

__CONFIG_colors_palette__{"active_palette":0,"config":{"colors":{"0328f":{"name":"Main Accent","parent":-1},"7f7c0":{"name":"Accent Darker","parent":"0328f","lock":{"saturation":1,"lightness":1}}},"gradients":[]},"palettes":[{"name":"Default","value":{"colors":{"0328f":{"val":"var(--tcb-skin-color-0)"},"7f7c0":{"val":"rgb(4, 20, 37)","hsl_parent_dependency":{"h":210,"l":0.08,"s":0.81}}},"gradients":[]},"original":{"colors":{"0328f":{"val":"rgb(19, 114, 211)","hsl":{"h":210,"s":0.83,"l":0.45,"a":1}},"7f7c0":{"val":"rgb(4, 21, 39)","hsl_parent_dependency":{"h":210,"s":0.81,"l":0.08,"a":1}}},"gradients":[]}}]}__CONFIG_colors_palette__
Artigo Anterior
__CONFIG_colors_palette__{"active_palette":0,"config":{"colors":{"0328f":{"name":"Main Accent","parent":-1},"7f7c0":{"name":"Accent Darker","parent":"0328f","lock":{"saturation":1,"lightness":1}}},"gradients":[]},"palettes":[{"name":"Default","value":{"colors":{"0328f":{"val":"var(--tcb-skin-color-0)"},"7f7c0":{"val":"rgb(4, 20, 37)","hsl_parent_dependency":{"h":210,"l":0.08,"s":0.81}}},"gradients":[]},"original":{"colors":{"0328f":{"val":"rgb(19, 114, 211)","hsl":{"h":210,"s":0.83,"l":0.45,"a":1}},"7f7c0":{"val":"rgb(4, 21, 39)","hsl_parent_dependency":{"h":210,"s":0.81,"l":0.08,"a":1}}},"gradients":[]}}]}__CONFIG_colors_palette__
Próximo Artigo

Subscreva a minha Newsletter!